Os segredos para independência e autonomia das crianças

“Ao contrário dos pais humanos, apegados às suas crias, o pai passarinho quer que os filhotes saiam logo do ninho para o primeiro vôo solo. O motivo é protegê-los dos predadores que veem o ninho como um suculento prato de comida. Nós, humanos, ao contrário, inventamos a ideia do ninho de segurança máxima. Daí o medo de os filhos criarem asas e saírem voando em direção aos ‘perigos da vida’.” (Marcelo Tas)

Comunicar suas necessidades, reconhecer quando algo não vai bem, ser capaz de agir e pensar por si só. Desenvolver autonomia é um grande passo para uma criança.

A criança que constrói sua independência têm autoestima e autoconhecimento tão elevados que faz por si mesma tanto quanto pode e sabe também quando e como pedir ajuda.

A COMUNICAÇÃO TEM PODER

A primeira e talvez a mais importante ferramenta que você pode dar ao seu filho é ensiná-lo a se comunicar. Expressar seus sentimentos, seus desejos, seus incômodos, seus medos, suas vontades. A comunicação é poderosa, seja ela de forma verbal, visual, gestual, escrita ou de qualquer outra forma alternativa.

CONFIANÇA É A CHAVE

Demonstre confiança, orgulhe-se das realizações da criança. Nós pais fazemos muitas coisas por nossos filhos a fim de ajudá-los, seja por pressa (‘vamos acabar logo com isso?’) ou por no fundo não acreditar que eles são capazes de realizar a tarefa sozinhos. Quantas vezes não permitimos que se vistam, tomem banho ou sirvam o seu prato sozinhos?

É claro que é mais fácil se nós mesmos juntarmos rapidinho os brinquedos que estão espalhados na sala, mas dessa forma não estamos incentivando a iniciativa dos pequenos, além de estarmos desencorajando-os a tentar novos desafios.

TAREFAS E RESPONSABILIDADES

Delegue atividades no dia a dia que se encaixem na rotina da criança. Ajudar no preparo do jantar, na faxina, a molhar as plantas, a dar comida para o cachorro são alguns exemplos de pequenas tarefas que a criança pode ser estimulada a executar (sob sua supervisão, é claro). Dar responsabilidades é demonstrar confiança!

APRENDA A RELAXAR

Crianças aprendem explorando, experimentando, misturando ingredientes, sujando as mãos… Procure relaxar, se preocupar menos com a sujeira e com o tempo. A autonomia também se desenvolve nas vivências.

ERRAR E APRENDER

É vestindo a camisa do lado errado e os tênis com os pés trocados que a criança aprende a se vestir. Ela precisa aprender a fazer escolhas, errar, voltar atrás, aprender com seus erros!

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

Responder