A vida é tão rara…

Às vezes exigimos tanto dos nossos filhos… Que tirem boas notas, que não comam porcarias, que mantenham seu quarto arrumadinho. Mas se prestarmos bem atenção, se olharmos ao nosso redor, veremos o quanto podemos ser privilegiados. O olhar, o cheiro, o ‘eu te amo’ dito com ou sem palavras…

Você sabia?

  • 80% das doenças raras é de origem genética e, portanto, estarão presentes ao longo da vida de uma pessoa, mesmo que os sintomas não apareçam imediatamente.
  • 50% das pessoas afetadas por doenças raras são crianças.
  • 30% das crianças com doenças raras não viverá para ver seu quinto aniversário.

Fonte: globalgenes.org

É só enxergar um pouco além.

A espera angustiante por um resultado…

O diagnóstico inconclusivo…

Só uma palavra…

Anestesias, cirurgias e cicatrizes…

Uma rotina entre médicos e terapias…

Coração em pedaços…

Poucas horas de sono, almas cansadas…

Alguns batimentos cardíacos a mais…

Se ele ao menos pudesse me ouvir...

Histórias diferentes, caminhos diferentes.

A vida é frágil e rara. O ser humano é frágil. Não sabemos o dia de amanhã…

Já abraçou seu filho hoje? Já disse o quanto o ama?

Raro é ser grato por tão pouco!

Raro é saber a força que tem a palavra ‘incondicional‘ sobre o amor!

 

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

Responder