Introdução e desenvolvimento alimentar – Método BLW

O desenvolvimento alimentar das crianças é um processo individual, cada um tem seu ritmo. A introdução de alimentos diferentes ao leite materno começa a partir dos 6 meses de idade. É quando os bebês começam a ter contato com alimentos diversificados.

introdução alimentarEntre os 7 e 8 meses, quando os bebês já conseguem sentar-se sem apoios, trocar objetos de mão e explorá-los com mais facilidade, é possível dar-lhes mais autonomia na hora das refeições.

É através do contato direto com os alimentos que as crianças descobrem sabores, texturas, consistências, formas e cheiros. E assim desenvolvem seu paladar.

Isso quer dizer que as tradicionais papinhas podem ser aos poucos substituídas por frutas e vegetais sólidos, que possam ser manuseados pelo bebê. Mesmo sem ter dentes, as gengivas já são capazes de triturar os alimentos que serão ingeridos. Esse método de introdução alimentar chama-se método BLW (Baby-led Weaning), que quer dizer Desmame Guiado pelo Bebê. Muitas mães já utilizavam de maneira intuitiva, mas ele tem ganhado força nos últimos tempos em função dos seus benefícios.

  • Faça com que a criança sempre sente-se à mesa junto com a famílias nas refeições;
  • Corte os alimentos em formatos fáceis de manusear e morder, como cenouras cozidas em palitinhos, galhinhos de brócolis ou couve flor, gominhos de laranja, rodelas de banana não muito finas, etc;
  • Permita que o bebê explore e conheça o alimento, respeitando seu ritmo.

A criança brinca, faz sujeira e experimenta os alimentos diversificados à sua maneira. A princípio você pode ter a sensação de que ela está comendo pouco. Mas acredite, ela comerá o suficiente para deixá-la satisfeita.

BENEFÍCIOS:

  • Deixe que ela se acostume desde cedo com a refeição sem outras distrações e não terá de lidar com isso no futuro.
  • Bebês não têm preconceito com a comida. Eles adoram experimentar, então você sempre pode diversificar alimentos saudáveis.
  • Você estará no controle do que é oferecido à criança e pode garantir que ela desenvolverá seu paladar para uma alimentação saudável.
  • Todos podem comer ao mesmo tempo sentados à mesa, abandonando aquele velho costume das mães comerem a refeição depois de todos ou dos bebês comerem sozinhos.
  • Estimula a autonomia desde cedo, já que a criança controlará seu ritmo e forma de comer.
  • Desenvolve coordenação motora.
  • Apesar da bagunça e da sujeira, é incrível observar as descobertas e a satisfação do bebê!

E aí, que tal tentar?

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

Responder