5 razões para ensinar às crianças sobre empatia

Uma das habilidades mais importantes que podemos ensinar aos nossos filhos (ou alunos) é a empatia. A empatia é a capacidade que temos de nos colocar no lugar do outro, ver e valorizar o que o outro está sentindo. É quando sentimos no nosso próprio corpo a dor de outra pessoa. Ela é a grande responsável por manter as amizades e os relacionamentos.

  1. Menos julgamentos. Está tão na moda criticar sem saber, julgar sem conhecer, não é mesmo? Taí uma grande oportunidade de mudar essa realidade. Basta de xingamentos e críticas no anonimato, ofensas, provocações e fofocas da vida alheia.
  2. Mais solidarismo. Agir com empatia faz com que aumente a compreensão das necessidades das pessoas ao nosso redor. E é desde pequenas que as crianças aprendem como podem ajudar. Se forem incentivadas, farão isso por toda sua vida.
  3. Mais motivação. Ao se colocar na posição do outro, é possível entender e saber lidar com a negatividade das outras pessoas. Crianças podem ser uma grande fonte de motivação.
  4. Mais respeito. As pessoas têm opiniões diferentes, tipo físico diferente, falam de forma diferente. É preciso eliminar o preconceito (arrancar pela raiz, sabe?) e formar adultos mais tolerantes.
  5. A criança que desenvolve a empatia torna-se um adulto melhor, um líder melhor, um exemplo melhor e o mais importante: um amigo melhor.

A empatia é um exercício diário. Não é fácil pensar sempre antes de agir, isso é um treinamento. Ensine a criança a ouvir antes de opinar, a não rir quando um coleguinha se machuca, a perceber e ajudar pessoas que precisem, a dividir os brinquedos, a compartilhar o lanche, doar roupas que não cabem mais, etc. Parece tudo muito óbvio, mas se a empatia realmente se tornar um hábito nas pessoinhas que estamos formando, com certeza haverá muito mais respeito entre todos, seremos muito mais humanos.

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

Responder