Pais de autistas são heróis ocultos

Quando um diagnóstico de autismo é confirmado, todas as prioridades da família se centralizam na criança diagnosticada. Na maioria das vezes, os pais buscam tratamentos, terapias, informações e tudo que for necessário para melhoria na qualidade de vida desta criança, mas nenhum apoio para si mesmos. Poucas pessoas percebem que esses pais também precisam de atenção especial.

O peso da responsabilidade de ter um filho com autismo é imenso. Precisamos aceitar, compreender, ser fortes. Os desafios diários são uma luta constante. Além disso, precisamos garantir uma educação inclusiva e um tratamento de saúde de qualidade (coisas muito difíceis de conseguir). E também ouvir os julgamentos porque o filho não fala, se comporta mal ou não demonstra afeto.

Talvez você não saiba, mas estes pais estão por toda a parte. Podemos estar em seu ambiente de trabalho, morar na mesma rua ou estar dentro do carro à sua frente no congestionamento. Talvez você não saiba, mas somos heróis. Heróis que ninguém vê ou aplaude.

Abdicamos dos nossos planos, nossos sonhos, muitas vezes do nosso trabalho, das relações com os amigos e tantas outras coisas. Tudo fica em “stand by”, para quem-sabe-um-dia. Mas não fazemos isso por falta de opção. Fazemos por amor, por acreditar em nossos filhos. As prioridades mudam definitivamente e sei que é difícil para o “resto do mundo” entender.

Parecemos muito fortes e realmente nos tornamos resilientes. Mas a fragilidade está sempre ali, prestes a desmoronar. Eu peço: cuidado com os julgamentos. Nos dê ouvidos. Somos heróis que se sentem sozinhos de vez em quando. Precisamos saber que tem alguém pertinho, com quem podemos contar.

Em nossas mãos temos a oportunidade de mudar a realidade de uma criança. E nos tornamos heróis em um mundo bem mais distante, bem menorzinho, bem particular.

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

12 Comentários

  • Posted 25 de May de 2016

    Tatiana Andreza

    Amanda tb sou tdah tenho um filho como eu e o mais novo autista, minha casa é uma loucura diaria. Obrigada por escrever para nós!

    • Posted 25 de May de 2016
      Amanda Puly

      Amanda Puly

      Viu só! É só pra lembrar que não estamos sozinhas no mundo! 💋💋

  • Posted 25 de May de 2016

    Mariza Moreira

    Amanda parabéns por sua luta. O meu filho tem TDAH e Asperger, e minha filha também. Mas eu não tenho o que reclamar da vida. Não os trocaria pelo filho mais perfeito! Parabéns para nós!😃

    • Posted 25 de May de 2016
      Amanda Puly

      Amanda Puly

      Obrigada! Nossa, eu realmente não estou sozinha! Eu também não trocaria, aprendi tantas coisas… com certeza me fizeram uma pessoa melhor! Um abraço pra vocês! 💞

  • Posted 26 de May de 2016

    elaine

    vc tem face

    • Posted 26 de May de 2016
      Amanda Puly

      Amanda Puly

      Oi Elaine! Tenho sim, é só procurar pelo meu nome. O Clube também tem! Facebook.com/clubematerno.net
      Beijos! 🌻

    • Posted 26 de May de 2016

      Fred Brennand

      Parabéns, lindo!!

  • Posted 26 de May de 2016

    Tatiane Santos

    Amanda vc tbm é guerreira estamos juntas tbm sou mae de um autista!!! E que loucura é dia dia bjos

    • Posted 26 de May de 2016
      Amanda Puly

      Amanda Puly

      Obrigada Tatiane! É uma loucura, mas é um grande aprendizado! Beijos 🌸🌸🌸

  • Posted 26 de May de 2016

    Almira Venancio

    Fiquei emocionada com o seu texto! Lindo ele nos descreve em todos os aspectos tenho um filho autista, e sou a mãe mais feliz desse mundo, ele mudou minha vida pra melhor.
    Somos Guerreiras
    somos heroinas. Beijos Amanda Paty!

    • Posted 26 de May de 2016
      Amanda Puly

      Amanda Puly

      Obrigada Almira! Isso mesmo, temos que enxergar a nossa transformação diante das dificuldades! Um beijo! 💙💙💙

Responder