Criando e fortalecendo vínculo com uma criança autista

Uma das características do autismo que admiro é a capacidade de criar vínculos afetivos fortes com algumas pessoas.

Se você gostaria de se aproximar ou fortalecer o vínculo com uma criança com autismo, aqui vão algumas dicas!

APROXIMAÇÃO:

  • Não seja invasivo. Aproxime-se se devagar, conforme a aceitação da criança. Informe-se também se ela se incomoda com toques ou sons.
  • Quando ela estiver concentrada em algum brinquedo, faça uma brincadeira paralela à dela, imitando o que faz.
  • Descubra algo que ela goste muito e tente iniciar uma conversa sobre isso. Você pode utilizar um fantoche.
  • Faça bolhas de sabão próximo a ela, pergunte se também quer tentar.
  • Envolva-se com a criança, observe suas reações, desligue seus pensamentos de outros assuntos.

 

FORTALECENDO VÍNCULOS:

Quando perceber que a criança te observa, gosta da sua presença, aproxime-se mais!

  • Faça cócegas usando um boneco que ela goste.
  • Jogue uma bola e peça que jogue de volta.
  • Cante alguma música que ela conheça, tocando instrumentos (que podem ser improvisados).
  • Convide-a para ouvir uma história muito divertida. Capriche nas interações, efeitos sonoros e surpresas!
  • Brinque de pega-pega, corra, pegue a criança no colo, gire, jogue-a para o alto.

Observe sempre quais ações ou brincadeiras ela gosta mais, suspenda aquelas que não agradaram. Quanto mais divertida for a abordagem, maiores as chances de se apegar e querer mais.

E cuidado para não se apaixonar, crianças autistas são altamente cativantes!

Por Amanda Puly

Artigos Relacionados

1 Comentário

  • Posted 29 days ago

    Kathlen Flauzino

    Boa noite, Sou Kathlen, Tenho 18 anos e sou aluna de pedagogia, estou com um trabalho sobre a inclusão da criança com autismo na escola de rede pública, é um dos tópicos q tenho que levanta é quais as responsabilidades diante a inclusão da criança com autismo na escola de rede pública?

Responder